quinta-feira, outubro 29, 2009

mulherzinhas (em forma de provocação)


No frenesim das arrumações encontrei em casa dos meus pais um livro de Louisa May Alcott com o título deste post "Mulherzinhas". É um livro que me faz recuar, transportando-me ao tempo da minha adolescência e conta a história de uma família, uma mãe cujo marido está na guerra e se vê a braços com a educação das suas filhas, com tudo o que isso implica. É interessante reler livros que de algum modo nos marcaram.

4 comentários:

Arabica disse...

Provoquemos-nos, então.

:) beijinhos, bom fim de semana!

alecerosana disse...

Está iniciada a provocação :)
Beijinhos

augusto, um entre mil disse...

Alturas há em que me sinto muito estúpido e isso chateia-me profundamente: onde está a provocação?

alecerosana disse...

são apenas ensaios.
obrigada pela visita :)